quarta-feira, 21 de outubro de 2009

ninguém é nada

ninguém é pai, mãe, filho, vô e vó... etc
todo mundo está no mesmo barco, fazemos parte de um processo, tal qual todas as criaturas vivas da natureza, que mania é essa de classificar as coisas e os relacionamentos? isso é coisa de bicho homem. o mundo é perfeito, como a criatura pode ensinar a criação? primeiro sou, depois penso. essa ótica: existo logo penso, aproveite a provocação. abs.

segunda-feira, 19 de outubro de 2009

something

video

o sol é novo a cada dia

... o sol é novo a cada dia, a fome é nova a cada dia, o amor é novo a cada dia, a vida é nova a cada dia... heráclito
E COMO VOCÊ PODE CONHECER UMA PESSOA?
Uma pessoa é livre. Muda a cada momento. Se você não pode pisar duas vezes num mesmo rio, como pode encontrar a mesma pessoa novamente? Se até mesmo os rios são tão mutáveis, a consciência, a corrente da consciência, não pode envelhecer. Se você puser a mente de lado, se não olhar com velhos olhos, então a sua esposa será nova. Cada gesto será novo. Há então uma excitação constante e contínua em sua vida, uma contínua vivacidade.
Hoje você sentirá fome - essa fome é nova. E hoje novamente, quando vc comer, essa comida será nova - porque nada pode ficar velho na existência. A existência não tem passado. O passado faz parte da mente. A existência está sempre no presente, é nova, fresca, sempre se movendo, uma força dinâmica, um movimento dialético, é como o fluxo de um rio.
Se vc conseguir perceber isso, então nunca ficará entediado. E o tédio é o maior mal - mata profundamente, é um veneno lento. Aos poucos vc vai ficando tão entediado que se torna um peso morto para si mesmo. então toda a poesia desaparece. nenhuma flor desabrocha e nenhum pássaro canta. vc já está enterrado, já está sob o seu túmulo.
(OSHO - A Harmonia Oculta)

quinta-feira, 15 de outubro de 2009

vazio

"SOMOS ASSIM. SONHAMOS O VÔO, MAS TEMEMOS AS ALTURAS. PARA VOAR, É PRECISO TER CORAGEM PARA ENFRENTAR O TERROR DO VAZIO. PORQUE É NO VAZIO QUE O VÔO ACONTECE.
O VAZIO É O ESPAÇO DA LIBERDADE, A AUSÊNCIA DE CERTEZAS.
MAS É ISSO QUE TEMEMOS: O NÃO TER CERTEZAS. POR ISSO TROCAMOS O VÔO POR GAIOLAS. AS GAIOLAS SÃO O LUGAR ONDE A CERTEZA MORA."
RUBEM ALVES

terça-feira, 6 de outubro de 2009

rumi

"Eu estava batendo na porta
e não sabia que estava do lado de dentro.
Só quando a porta se abriu descobri que
eu já estava dentro"

Pesquisar este blog

Quem sou eu

Minha foto
Um andante, um aprendiz, um ignorante, um passageiro, ou qualquer outra coisa, acho que isto não importa.

Seguidores